Mindelense a um ano do centenário

Partilhar com amigos

O Clube Sportivo Mindelense que é uma das instituições desportivas mais antigas do Arquipélago, completou hoje (25) noventa e nove anos de sua fundação.

Amanhã no Estádio Marcelo Leitão na Ilha do Sal, os encarnados entram em campo para diante do Palmeira buscarem a sua décima quinta final do Nacional.

Os Leões do Norte são os que mais vezes participaram da prova — vinte e cinco — e também o seu maior campeão, venceu doze.

O filho querido da vitória, assim como cantou Morgadinho, é o único que ganhou e por duas vezes, o título de Campeão Guiné-Cabo Verde.

As conquistas abriram-lhe o caminho para disputar as edições de 66 e 71 da Taça de Portugal. Na primeira participação enfrentou o Marítimo no Funchal e perdeu por 4 a 2 e 7 a 0. Na segunda frente ao Sporting em Alvalade sofreu a mais pesada derrota da competição até hoje, 21 a 0.

Em 1978, o popular emblema da Rua da Praia em Mindelo, reforçado com Armandinho e João de Júlia, representou o País em Angola e São Tomé e Príncipe durante uma visita de Estado do Presidente da República, Aristides Pereira.

Nos feitos dos Onze Lutadores também constam uma digressão a convite do Vitória em 1935 para dar lição de futebol na Praia, invencibilidade diante da Seleção de Cabo Verde — duas vitórias e dois empates –, o estatuto de maior campeão antes da Independência, entre outros.

 

Partilhar com amigos

Comentários

comentarios

Attachment

Leave a Comment

(required)

(required)

five − one =