Lorreta Rocha a Gestora Ambiental, não descarta a hipótese de ser treinadora

Lorreta Rocha a Gestora Ambiental, não descarta a hipótese de ser treinadora

Partilhar com amigos

Lorreta Sofia Almeida Rocha, 10 de Janeiro de 1992, ela não tem alcunha, nasceu e cresceu no Sal, começou a jogar o basquetebol aos 16 anos de idade com o actual seleccionador/treinador Emanuel (Mané) Trovoada mas actualmente vive em Boston.

Um ano depois, começou a treinar com o treinador Zola que tinha chegado dos EUA, com o objectivo de abrir uma academia de basquetebol.

Um ano e meio depois de treinos intensivos, desenvolveu grandemente a sua capacidade como jogadora.

Essa basquetebolista ganhou alguns MVP’s em torneios de basquetebol nacional (naquele tempo não foram feitos campeonatos nacionais).

Foi chamada pela primeira vez para a Seleção Nacional de Basquetebol aos 17 anos para os jogos da CPLP.

Quando terminou o Liceu, ficou mais um ano em Cabo Verde treinando arduamente, sempre com os EUA na mira e conseguiu uma bolsa atleta numa universidade, com a ajuda do treinador Zola.

Depois de fazer alguns testes académicos e alguns try-outs foi-lhe oferecida uma bolsa de estudos atleta para a Universidade de Southern New Hampshire University no estado de New Hampshire.

Nesse estabelecimento de ensino Lorreta Rocha, jogou durante 4 anos, onde se destacou como defensora, ganhando “Rookie of the Week”  por duas vezes e o prémio “Unsung Hero”, tendo sido capitã dessa equipa nos últimos dois anos.

Durante este tempo, foi chamada para a seleção nacional pela segunda vez para o Afrobasket em Moçambique em 2013.

No meu último ano de colégio, teve uma grave lesão ao romper o meu ACL (no joelho) duas vezes, tendo sido que operada 3 vezes e passando dois anos em recuperação.

Mas já em 2019, foi chamada pela terceira vez para o Afrobasket em Senegal.

Com essas experiências, passou a admirar várias colegas e treinadores da Selecção Nacional de Basquetebol, pelos sacrifícios que fazem para melhor poderem representar o país.

Lorreta Almeida Rocha, pensa jogar para Seleção Nacional, até o corpo dizer basta, o que está longe, porque treina praticamente todos os dias, com muito afinco, entusiasmo e determinação.

O Sportsmídia sabe que que a Lorreta Almeida Rocha, já terminou o  curso de Gestão Ambiental com concentração em Negócios Estrangeiros, em 2015.

Mas vai avisando, que devido a sua paixão pelo basquetebol e da sua larga experiência, não descarta a hipótese de ser treinadora um dia.

Vai deixando essa mensagem de alento as colegas mais novas, se tens talento, não deixes que se desperdice. Trabalhe o mais que puderes para desenvolver esse talento e nunca tenhas medo de pedir ajuda e conselho aos que sabem.

SPORTSMÍDIA

 

Partilhar com amigos

Comentários

comentarios

Attachment

Leave a Comment

(required)

(required)

three × one =