Gracelino Barbosa o primeiro atleta cabo-verdiano paralímpico medalhado

Gracelino Barbosa o primeiro atleta cabo-verdiano paralímpico medalhado

Partilhar com amigos

Gracelino Barbosa atleta paralímpico residente em Portugal conquistou a primeira medalha de sempre de Cabo Verde nos Jogos Paralímpicos (Medalha de Bronze), bateu o record africano dos 400 metros categoria T20 (deficiente intelectual), nos Jogos Paralímpicos do Rio 2016.

Esse atleta paralímpico e nome completo Gracelino Tavares Barbosa possui nacionalidade cabo-verdiana, reside no Porto-Portugal, nasceu no Tarrafal-Santiago no dia 01/02/1985, portanto, este ano vai fazer 34 anos.

Classificação Desportiva:

– T-F-20 / INAS (Federação Internacional para Atletas com Deficiência Intelectual 8IOSD).

Atleta do Comité Paralímpico de Cabo Verde.

Resultados Desportivos

Selecção de Cabo Verde

 

6th INAS- Campeonato Europeu de Pista Coberta, Istambul 2013

1º Lugar- Medalha de Ouro- 60 metros barreiras.

2º Lugar- Medalha de Prata- 200 metros.

2º Lugar- Medalha de Prata- 400 metros.

1º Lugar- Medalha de Ouro- Estafeta- 4 X 200 metros

1º Lugar- Medalha de Ouro- 4 X 400 metros.

9th World Athetics Championship 9-16 de Junho de 2013 Praga, República Checa

1º Lugar- Medalha de Ouro-Campeão do Mundo- 110 metros barreiras- 14,34 (Recorde do Mundo).

1º Lugar- Medalha de Ouro- Campeão do Mundo- 400 metros barreiras- 55,13.

2º Lugar- Medalha de Prata- Vice-Campeão do Mundo- 400 metros- 49,10.

2º Lugar- Medalha de Prata- Vice-Campeão do Mundo- 200 metros- 22,71.

O atleta participou nas seguintes provas sem direito a Medalha:

– Corrida de 100 metros- 11,40 marca pessoal e africana.

– Salto em comprimento 6,34 Marca pessoal e africana- Qualificação directa para o Mundial em França Julho de 2013.

IV INAS Globais Jogos- Mundial Equador em Setembro de 2015

1º Lugar- Medalha de Ouro-Campeão do Mundo-110 metros barreiras 14segundos e 3 décimos

Campeonato Doha Qatar 2015

– Participou nas disciplinas dos 100, 200 e 440 metros e saltos, e classificou em 4º lugar, o que lhe o passaporte para o Rio 2016.

Jogos Paraolímpicos 2016

3º Lugar- Medalha de Bronze nos 400 metros, com um tempo de 48,55 segundos, Primeira Medalha alcançada por Cabo Verde nos Jogos Paralímpicos

Campeonato do Mundo INAS Bangkok-Tailândia- Maio 2017

1º Lugar- Medalha de Ouro nos 100 metros livres.

1º Lugar- Medalha de Ouro- 110 metros barreiras.

1º Lugar- Medalha de Ouro 400 metros barreiras.

Foi eleito o melhor Atleta Masculino do Campeonato do Mundo.

Campeonato do Mundo Pista Coberta Londres 2017

4º Lugar- Disciplina dos 400 metros livres T-20.

Mundial Pista Coberta França 2018

1º Lugar- Medalha de Ouro 60 metros barreiras 8,88 segundos.

2º Lugar- Medalha de Prata modalidade 200 metros livre em 22.79.

3º Lugar- Medalha de Bronze 60 metros livre 7 segundos e 23 centésimos.

O Sportsmídia apresenta este brilhante curriculum desse atleta paralímpico cabo-verdiano, que orgulhosamente deu a esse país africano a sua primeira medalha (Bronze) nos Jogos Paralímpicos no Rio 2016.

SPORTSMÍDIA

 

Partilhar com amigos

Comentários

comentarios

Leave a Comment

(required)

(required)

five × two =