Botafogo ganhou seu único Nacional, há trinta e sete anos

Partilhar com amigos

Há precisamente trinta e sete anos, o Botofogo foi a São Vicente derrotar o poderoso  Mindelense por 2 a 1 em pleno Estádio da Fontinha, na final do Campeonato Nacional de 1980.

Ramiro marcou para o Bota, Ducha empatou para os Leões Encarnados e Balalam no prolongamento marcou o golo do título e fez a Ilha do Fogo inscrever seu nome na história do futebol como o segundo campeão nacional.

Até hoje, este título que teve no comando o treinador Rolando Barber (Senhor Zuca), continua a ser o único Nacional no escalão sénior conquistado pelo futebol foguense.

14-set-80, Estádio da Fontinha

Mindelense [SV] 1 (Ducha)

Nês (Gr); Dani, Djobla, Mane Djodje e Almara; Bernôld, Cadino, Baessa (Gustin, 26′) e Canhota; Ducha e João (Tita, 75′)

Treinador: Alcides Lima (Tchida)

 

Botafogo [FG] 2 (Ramiro e Balalam)

Djudjuca (Gr); Maruca, Balalam, Loloti e Palapa; Totinho, Nelo e Contce; Djejdé (Godinho, 42′), Papá e Ramiro (Eugénio, 75′)

Treinador: Rolando Barber (Zuca)

Partilhar com amigos

Comentários

comentarios

Leave a Comment

(required)

(required)

four × 1 =