Espanha de Augusto Colito falha qualificação para o Mundial

Partilhar com amigos

O cabo-verdiano Augusto Colito Lopes foi titular absoluto em quatro dos cinco jogos que a Espanha disputou no torneio de repescagem para o Mundial de Voley que aconteceu de 19 á 23 deste mês na Bélgica. Augusto fez sessenta e seis pontos, média de 13,2 por partida.

No jogo de estreia o oposto foi o melhor pontuador espanhol, contribuiu com vinte e um pontos para a vitória da Espanha por 3 a 1 sobre a Alemanha, parciais de 25-17, 24-26, 25-22 e 25-19.

Na segunda partida a Roja ressentiu da queda de produção do atleta natural de São Vicente que fez apenas nove pontos e perdeu por 3 a 0 com a Estónia, parciais de 25-22, 25-20 e 25-19.

No jogo seguinte, apesar de ligeira melhoria — onze pontos — Augusto não consegui evitar nova derrota de 3 a 0, desta vez para a anfitriã Bélgica, parciais de 27-25, 25-20 e 25-16.

A Espanha voltou a vencer na quarta partida, o atacante foi o segundo pontuador da sua seleção com dezanove pontos e ajudou no triunfo sobre a Bielorússia também por 3 a 2, parciais de 20-25, 25-18, 25-22, 22-25 e 13-15.

Ontem, frente a Estónia, no último embate o irmão da Musa do Atlântico, Rízia Lopes ficou no banco pela primeira vez, entrou e fez seis pontos. A Espanha somou a terceira derrota, desta vez por 3 a 1, parciais de 19-25, 25-20, 29-31 e 24-26.

A Espanha terminou a prova em quinto lugar com duas vitórias e três derrotas, venceu sete sets e perdeu doze.

Partilhar com amigos

Comentários

comentarios

Attachment

Leave a Comment

(required)

(required)

15 − three =