Dilma Lima a atleta que parou 7 anos

Dilma Lima a atleta que parou 7 anos

Partilhar com amigos

A atleta Dilma Silva Lima, nascida a 10/03/88, trocou o futebol, por causa de uma fractura numa perna, pelo atletismo.

Dilma Lima como é conhecida no mundo desportivo, foi fazer um teste físico para entrar nos quadros da Polícia Nacional, e, foi a melhor classificada no seio dos vários concorrentes, então Arlindo Fonseca hoje presidente da Associação Regional de Atletismo de São Vicente e profissional nessa corporação, viu nela algumas qualidades inatas e convidou-a para começar a treinar nessa modalidade.

Dilma Lima que era apaixonada pelo futebol, aproveitou essa oportunidade para começar a treinar no atletismo.

Ela assume que essa modalidade era a sua segunda opção, e, que agora é a primeira, pois, está mesmo apaixonada pelo atletismo.

A sua paixão aumentou ainda mais quando em 2011 começou a treinar a sério com a Crisolita Rodrigues, que devido a sua experiência em grandes competições nessa modalidade tornou-se uma referência para a Dilma Lima.

Em 2012 deixou de treinar porque ficou grávida então parou durante 7 anos de treinar e competir, pois, teve o seu filho e com a responsabilidade começou a trabalhar, tornando-se impossível conciliar o trabalho, cuidar do filho e treinar, recomeçando somente em Maio de 2018.

Com essa longa paragem forçada as dificuldades foram enormes quando recomeçou os treinos, mas com paixão, determinação, vontade e abnegação, voltou e veio para ficar, porque o atletismo passou a fazer parte da sua vida, visto que, o objectivo dela é ser sempre a primeira em qualquer competição.

Dilma Lima neste momento está a treinar com afinco, às vezes sozinha, outras com os colegas, com a ideia fixa no Campeonato Nacional de Atletismo.

O Sportsmídia sabe que Dilma Lima depois que voltou já conquistou algumas medalhas, com muito esforço, pois, começar do zero foi muito difícil.

– Corrida da Ribeira Bote 2018- 5 Kms- 6ª Classificada.

            – Lazareto Games 2018- 5 Kms- 6ª Classificada.

            – Rota Baía das gatas IIª Edição 2018- 14 Kms- 4ª Classificada.

            – São Silvestre 2018- 10 Kms- 6ª Classificada.  

            – Corrida de Liberdade- 2019- 21 Kms- 5ª Classificada.

            – Corrida das Forças Aramadas- 14 Kms- 3ª Classificada.

            – Corrida de São Vicente 2019- 5 Kms- 3ª Classificada.

            – Páscoa Santo Antão- 2019- Corrida de Montanha- 16 Kms-1ª Classificada.

– Foi a única atleta feminina a participar na Corrida de Santa Cruz, por isso, foi a 1ª classificada, mas ficou muito desiludida.

Dilma Lima deixa alerta a Câmara Municipal de São Vicente e ao Governo, que em São Vicente apesar de existirem bons atletas, é muito difícil treinar e competir, pois, não existe uma pista, e, os atletas treinam em qualquer lado o que lhes provoca graves lesões, deixando no final este desabafo “ Precisamos de uma Pista urgente”.

SPORTSMÍDIA

Partilhar com amigos

Comentários

comentarios

Leave a Comment

(required)

(required)

19 − 4 =