David Nascimento não poderia ser uma boa opção

David Nascimento não poderia ser uma boa opção

Partilhar com amigos

Hoje de manhã ao ouvir a Rádio de Cabo Verde, numa entrevista conduzida pelo jornalista Moisés Évora, Rui Águas dizia que foi uma decisão difícil de tomar em deixar a Selecção Nacional de Futebol de Cabo Verde.

Por sua vez Mário Semedo presidente da Federação Cabo-Verdiana de Futebol, sem drama dizia que a instituição que dirige está a procura de um novo treinador.

Lembrei-me que no dia 20 de Dezembro por volta das 23,00 horas depois da nossa Gala Sportsmídia, tive o privilégio de falar no telemóvel com o David Nascimento, até fiquei de ir ter com ele, mas compromissos do fim de semana desportivo não consegui, dizendo mesmo que partia para os EUA, a procura de novos horizontes.

Agora com esta dança de treinador, pensei, David Nascimento, cabo-verdiano de gema não seria uma boa opção para  Seleccionador dos Tubarões Azuis?

David Nascimento ex-defensor, nasceu em São Vicente em 1966.

Fez a sua formação no Amora, tendo passado pelo Vitória de Setúbal, Vitória de Guimarães e Barreirense, em Portugal.

Representou vários clubes holandeses, nomeadamente  RKC Waalwijk, Roda JC, FC Utrecht, RBC Roosendaal e Sparta Rotterdam.

Tornou-se treinador do AZ Almaar, sub 18, em 2006, onde permaneceu até 2008.

O Sportsmídia sabe que um ano depois fez história, ao se tornar o primeiro treinador cabo-verdiano a possuir uma licença UEFA Pro.

Com este curriculum David Nascimento não poderia ser uma boa opção, para a Selecção Nacional de Futebol?

SPORTSMÍDIA

 

Partilhar com amigos

Comentários

comentarios

Attachment

Leave a Comment

(required)

(required)

eighteen − 14 =