Claúdio Borges um miúdo de 16 anos que quer competir com a Bandeira de Cabo Verde

Claúdio Borges um miúdo de 16 anos que quer competir com a Bandeira de Cabo Verde

Partilhar com amigos

Claúdio Pereira Borges, nasceu em Portugal, no Barreiro, Alto Seixalinho no dia 12/11/2002, portanto, tem apenas 16 anos, é neto do malogrado comandante dos TACV, Borges, que infelizmente faleceu no desastre de aviação ocorrido em Santo Antão.

Filho de pais cabo-verdianos, Moisés Pereira e Nereida Alves Cardoso, frequentou os primeiros anos escolares no barreiro até aos 9 anos de idade, altura em que os pais emigraram para a Suíça, onde cedo despertou nele a paixão para o atletismo.

Borges, nasceu para vencer e em 2011/2012, no Colégio de Aigle onde estudava participou em várias provas de atletismo, tendo conquistado sempre o pódio como 1º classificado, tornando-se o verdadeiro Number One desse estabelecimento de ensino, onde ficou reconhecido como o mais rápido atleta em 2011/2012. Nesse mesmo ano participou numa competição organizada por UBS Kids tendo conquistado o segundo lugar, e, a consequente Medalha de Ouro.

O amor pelo desporto não ficou só no atletismo, pois, Claúdio Borges é Medalha de Ouro e de Bronze na modalidade de Taekwondo.

O Sportsmídia sabe que esse jovem de apenas 16 anos, faz 17 em Novembro, no âmbito de uma visita de apresentação da reconhecida e Internacional Escola de Taekwondo Riviera ao seu colégio, para uma demonstração dessa modalidade, na qual os alunos foram convidados a participarem, de forma voluntária nas actividades, e Claudio Borges, prontamente, se envolveu.

E, foi aí então, que superou e surpreendeu todos os presentes, ao pontapear um obstáculo com um salto de 2,20 metros de altura, sendo o único aluno a conseguir esse feito.

Deu nas vistas, e, de imediato foi convidado pelos monitores para integrar a Academia Taekwondo Riviera. Com poucos meses de treinos participou numa competição na Suíça, em Wattwil, nos dias 15 e 16 de Setembro de 2018, onde conseguiu a su primeira Medalha de Bronze.

Borges embalado com essa vitória, participou numa nova competição já este mês, no dia 3 de Março em França, Aix-Les-Bains, e com brilhantismo conquistou o 1º lugar, portanto a Medalha de Ouro.

Esse jovem nasceu para ganhar e o grande sonho de Claúdio Borges é competir com a Bandeira de Cabo Verde.

O pai dele, Moisés Pereira está desejoso que o filho compete um dia por Cabo Verde, motivo mais que suficiente, para que, as autoridades cabo-verdianas fiquem atentas a performance deste miúdo.

SPORTSMÍDIA

Partilhar com amigos

Comentários

comentarios

Leave a Comment

(required)

(required)

sixteen + five =