A atleta paralímpica homenageada na IVª Gala Sportsmídia, é aniversariante hoje

A atleta paralímpica homenageada na IVª Gala Sportsmídia, é aniversariante hoje

Partilhar com amigos

No dia 12 de Janeiro de 1992, nascia em São Vicente. um ser do sexo feminino a quem foi posto o nome de Heidilene Oliveira Lopes, portanto, completa hoje 29 anos de idade, atleta paralímpica na categoria T12, e, está no desporto por paixão.

Aos 22 anos começaram a aparecer os primeiros sintomas de visão, e, foi-lhe diagnosticada uma retinose pigmentar (doença degenerativa), nessa altura Heidilene Oliveira estava a concluir a sua licenciatura, claro, que lhe alterou muito os seus planos, começando a procurar outras alternativas, pois, não encontrava um trabalho, que até hoje isso não se verifica.

Perante este cenário, refugiou-se no desporto, e, nessa altura teve a felicidade de conhecer Alcindo Lopes  treinador na Associação  Regional do Desporto Adaptado (ARDA).

Começou a frequentar os treinos de atletismo, sempre gostou de correr e durante os treinos esse referido treinador, apercebeu que a velocidade era a grande arma dessa atleta.

A sua primeira vitória foi numa  competição  regional em 2019, onde conquistou primeiro lugar nos 100 metros e terceiro lugar nos 3 mil metros.

Na sua primeira participação no Campeonato Nacional de Desporto Paralímpico (Canadep) em 2019 , foi campeã nacional nos 100 metros, e, com essa vitória brilhante, Oliveira foi convocada para a selecção nacional, ficou qualificada para os Jogos Paralímpicos  no Japão, evento que foi adiado para este ano 2021, por causa da Covid-19, mas o seu grande objectivo é representar Cabo Verde numa competição internacional.

Segundo essa atleta, campeã nacional, a sua visão encontra-se da seguinte forma, explicando com pormenores e tudo, no olho  direito tem no máximo 3% de visão, no olho esquerdo 30 a 40% .

Heidilene Oliveira continua seguindo com os seus treinos diários (acompanhada pela mãe e do seu guia), mostrando ao público mindelense, que ela tem um carácter, querer, força e uma motivação notáveis com foco nas futuras competições, aproveitando para agradecer aos seus treinadores Alcindo Lopes , Jailson Oliveira, Comité Paralímpico de Cabo Verde pelo apoio, e, ainda agradece a todos os seus familiares pelo apoio prestado.

Por causa do seu carácter inspirou a Associação Desportiva, Recreativa e Cultural Sports Mídia, a homenageá-la na sua IVª Gala, como a “Mulher Desportista”, realizada  dia 19 de Dezembro de 2020.

A atleta paralímpica Heidilene Oliveira Lopes, defende insistentemente, que haja mais inclusão social, não só  no desporto, mas também  na própria sociedade, ajudando os deficientes à nível profissional.

O Sportsmídia, deseja a essa atleta votos de parabéns, e que este dia se repita por longos e felizes anos.

SPORTSMÍDIA 

Partilhar com amigos

Comentários

comentarios

Attachment

Leave a Comment

(required)

(required)

ten + fifteen =